Dores Articulares? Coma Cerejas

As frutas silvestres são as grandes estrelas do momento, mas recentemente um trabalho apresentado sobre cerejas chamou minha atenção pela capacidade da fruta de reduzir de dores articulares. O estudo foi do Serviço de Pesquisa Agrícola – órgão do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, e apontou que cerejas podem combater a inflamação relacionada à artrite, doenças cardíacas e câncer.
As antocianinas, fitonutrientes presentes nas frutas vermelhas, roxas ou azuis – como as cerejas, amoras, morangos, framboesas e uvas vermelhas – podem ajudar a aliviar a dor por meio de suas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.

A ação das antocianinas ocorre com a neutralização dos radicais livres, moléculas instáveis que danificam as células do corpo e contribuem para a inflamação. As antocianinas atuam ainda bloqueando as enzimas que causam a inflamação do tecido, o que torna sua ação contra a inflamação ainda mais eficaz. Os resultados positivos foram detectados com pequenas doses do suco puro natural: apenas 300 ml por dia.

Mais evidências: Pesquisas realizadas no Centro de Nutrição Humana da Universidade da Califórnia também comprovaram o efeito do suco de cereja natural na redução de cristais de urato, presentes no quadro clínico de dor articular na doença de Gota. Os estudos mostraram que o consumo de 200 g de cerejas orgânicas diariamente reduziu os cristais de urato significativamente. Outro estudo, de 2011, publicado no American Journal of Clinical Nutrition apontou que a ingestão de antocianinas pode ajudar a prevenir a hipertensão. Além disso, num relatório de 2006 publicado na Free Radical Research, os cientistas afirmam que as antocianinas “podem desempenhar um papel importante na promoção da saúde em termos de prevenção da obesidade, auxiliando na saúde cardiovascular, agindo como antiinflamatório e com efeitos relevantes como agente anti-câncer”.

Dra. Patrícia Alves Soares
Especialista em Nutrição Biomolecular
Especialista em Nutracêuticos
Especialista em Oxidologia